Editorial

Autores

  • Tiago Araújo Coelho de Souza Universidade de Brasília

DOI:

https://doi.org/10.18569/tempus.v14i1.2769

Resumo

Passados um pouco mais de três décadas de implementação do Sistema Único de Saúde (SUS) no Brasil podemos reconhecer muito do que foi concretizado no campo teórico e prático da saúde bucal coletiva quanto ao acesso aos serviços, gestão, pesquisas, vigilância, epidemiologia e promoção de saúde. No entanto, não basta apenas registrar os fatos; se faz necessário compreender a natureza dos avanços, bem como a natureza dos retrocessos vividos nessa área para assim podermos planejar os próximos 30 anos desse componente fundamental da saúde e do bem-estar físico e mental, que é a saúde bucal....

Downloads

Publicado

2020-07-03