Primary attention and employment in the health field: a few elements and potencialities

Geraldo Biasoto Junior

Resumo


O objetivo deste trabalho é discutir alguns dos elementos e das potencialidades do setor saúde na geração de postos de trabalho no Brasil. Para tanto, são discutidos os gastos com saúde e a inserção pública num rol de países e a posição brasileira. Ao mesmo tempo, são avaliados os gastos do Ministério da Saúde, nos últimos anos, em seus grandes segmentos, com destaque para as estratégias da atenção básica, notadamente o PACS/PSF. No campo da geração de empregos são avaliados os números globais do país e focalizados os relativos à saúde da família e agentes comunitários. Por fim, estima-se o custo de geração de postos de trabalho para o setor saúde, a saúde pública e o PACS/PSF.

Palavras-chave


atenção básica, saúde da família, financiamento, emprego, empregabilidade, orçamento da saúde

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18569/tempus.v1i1.389



Direitos autorais

Revista Tempus - Actas de Saúde Coletiva (ISSN 1982-8829).
Revista coordenada pela Unidade de Tecnologias da Informação e Comunicação em Saúde (UTICS) do Núcleo de Estudos de Saúde Pública (NESP) da Universidade de Brasília (UnB).
Licença Creative Commons
This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Compartilhamento pela mesma licença 3.0 Unported License.
____________________________________

____________________________________